INSS como Autônomo: Como Pagar?

Muitos brasileiros preferem trabalhar por conta própria, mas você sabia que pode pagar o INSS como Autônomo? É isso mesmo! Existem leis importantíssimas que amparam e protegem esses trabalhadores. Contribuir para a Previdência Social é muito importante. Fique conosco e saiba tudo sobre como pagar o INSS como Autônomo.



1

INSS como Autônomo

O trabalhador autônomo é todo cidadão que exerce uma atividade remunerada por conta própria, sem depender de uma instituição que pague o seu salário. Nesse grupo de trabalhadores, não existe vínculo empregatício com absolutamente nenhuma empresa pública ou privada.

Se você é um trabalhador que exerce atividade por conta própria, precisa ficar atento e regularizar a sua contribuição junto à Previdência Social. Ao tornar-se contribuinte da Previdência Social, você ganha diversos benefícios e direitos.

INSS como Autônomo: Tipos de Contribuição ao INSS

Os tipos de contribuições do INSS ainda geram muitas dúvidas nos brasileiros. Abaixo vamos te explicar todas as contribuições existentes. Dessa forma, você se mantém informado e dá entrada o quanto antes na sua contribuição ao INSS como Autônomo se essa for a sua vontade.

A contribuição ao INSS como Autônomo é apenas uma das formas de contribuição existentes.

Acompanhe:

  • Empregado: É todo funcionário registrado por uma empresa que obedeça às regras da CLT.
  • Empregado Doméstico: São os colaboradores que exercem atividades remuneradas em casas de família.
  • Contribuinte Avulso: Esses trabalhadores geralmente são todos aqueles que foram contratados por sindicatos e alguns órgãos gestores de mão de obra.
  • Segurado Especial: Essa categoria geralmente engloba todos os trabalhadores rurais que produzem em regime de economia familiar.
  • Segurado Facultativo: São pessoas que não exercem nenhuma atividade remunerada, mas que querem por vontade própria contribuir para o INSS.
  • Contribuinte Individual: Antigamente, essa categoria era chamada de “trabalhador autônomo”. São pessoas que exercem atividade remunerada por conta própria, sem possuir nenhuma espécie de vínculo empregatício, ou seja, o grupo que estamos falando no post de hoje.

3

Uma dica muito importante para você que quer começar a contribuir para o INSS é que você avalie muito bem em qual categoria você se encaixa.

INSS como Autônomo: Como Pagar a Contribuição?

Depois que você decidiu contribuir para o INSS como Autônomo, é importante saber como proceder. Montamos um passo a passo para você conhecer. Veja:

1º Passo

Esse primeiro passo é muito importante. Caso você não possua o número do PIS, é hora de providenciá-lo. Se você já trabalhou registrado, basta consulta-lo na Carteira de Trabalho. Caso não possua, basta ligar no telefone 135 ou comparecer em uma das agências conveniadas da Previdência Social e solicitar.

2º Passo

Nesta etapa, você deverá escolher o tipo de contribuição que deseja fazer. Nos casos dos autônomos, todos são chamados de Contribuintes Individuais, a única coisa que diferencia um do outro é o número do código e como será sua aposentadoria no final.

2

3º Passo

Preencha corretamente a GPS (Guia da Previdência Social). Esse carnê pode ser adquirido em qualquer papelaria e pode ser preenchido pela internet ou manualmente.

4º Passo

Pague a GPS nos bancos autorizados ou em Casas Lotéricas.

Dica Extra: Para você descobrir qual o tempo necessário de contribuição, basta comparecer a uma das agências da Previdência Social.

INSS como Autônomo: Dúvidas?

Se você tiver alguma dúvida, acesse o site da Previdência Social clicando aqui.

INSS como Autônomo: Como Pagar?
Average: 4.57 (91.43%) out of 7

4 Comments - Adicione Comentário

Alguma Dúvida? Faça um comentário!